Skip to content

Ouvir música para ouvir música

Quando foi a última vez que ouviste música? Não estou a falar daquela vez que foste correr e ouviste música. Nem das outras vezes que ouves rock ou reggae ou música clássica enquanto coduzes. Nem mesmo daquelas em que estás a trabalhar, ou a fingir, e estás a ouvir um sonzinho de Arctic Monkeys ou Muse ou Martin Garrix.

Não, quando foi a última vez que ouviste música para ouvir música? Que te sentaste na tua cadeira ou sofá favorito, ou foste para a esplanada, e só ouviste música. E colocaste um álbum a tocar e ouviste-o do princípio ao fim sem nunca tocar no telemóvel ou mp3?

Já não ouvimos música por ouvir música? Pelos menos são raras as vezes que o fazemos. Porque as músicas fazem parte do que hoje descrevemos como multi-tasking – fazer tudo ao mesmo tempo sem fazer nada de jeito em nenhuma dessas coisas. E é uma pena, porque ouvir música pode ser um momento muito relaxante.

E quem diz música diz outras coisas da vida. Quando foi a última vez que almoçámos sem ver as notícias ao mesmo tempo? Ou a última vez que estivemos com os amigos e ignorámos as notificações do telemóvel? Ou a última vez que vimos o pôr do sol na nossa praia favorita e não pensámos em mais nada?

Experimentemos meditar porque diz que isso ajuda nestas coisas da concentração. Experimentemos o que os budistas chamam de mindfulness e coloquemos a nossa concentração na tarefa do momento. Voltemos a fazer uma coisa de cada vez.

E voltemos a ouvir música só pela música. Só para relaxar, só para recordar os álbuns que ouvimos ao crescer, só porque sim.